gallery/capa_freeman_final_lp
gallery/gpd capa
gallery/capa play it again web

 O mais recente álbum de Cris Crochemore & Blues Groovers,

      "Guitar Playing Dude" é um disco onde Crochemore e os Groovers reforçam o que já vinham fazendo em Freeman Blues de uma forma ainda mais madura, embora mantendo a mesma ideia de som.

      Rock, com vigoroso, baladas tão doces quanto fortes, solos quentes, bases monolíticas, sólidas e ao mesmo tempo incitando o publico a dançar, cantar junto.

      Gravado em  uma afinação alternativa, em 432 hz, mais baixa do que a convencional, proporcionando timbres mais harmônicos.   

     A afinação 432 além da mística interessante, traz uma "vibe" mais cool para os vocais, e para os instrumentos, como uma guitarra com um timbre mais grave , e a caixa da bateria, com um som ainda mais profundo.

     As parcerias de criação se repetem como no anterior, trazendo Cris Crochemore e Otavio rocha , nos pontapés iniciais das canções e dos riffs, enquanto Charles Zanol e Pedro Strasser, traduzem as melodias de Cris na linguagem falada.

 

      Em 2012, Freeman Blues surgiu da necessidade natural de levar ao público as novas composições, após o lançamento do álbum Play It Again que foi muito bem recebido inclusive pela crítica.

      Play it Again, foi um disco que indicou um caminho, através das influências que fazem parte da formação musical de Cris Crochemore , em regravações  personalizadas.  Freeman Blues catalisou tudo isso em 12 canções inéditas.

      Produzido por Cris Crochemore, Otavio Rocha e Pedro Garcia, trazendo ainda Beto Werther na produção dos vocais com Crochemore, o disco ganhou a super participação à distância do guitarrista norte americano Brent Johnson, em duas faixas, Your Touch e Twenty Five Years.

      O disco proporcionou à Crochemore  uma matéria na revista Guitar Player, onde Twenty Five Years, entra em uma lista dos 60 solos de guitarra que você deve ouvir.

     Freeman Blues assim como Play it Again, teve várias de suas músicas tocadas em diversas rádios pelo Brasil e pelo mundo, figurando como as mais tocadas em algumas praças.

 

     A carreira solo de Cris Crochemore, começa com Play it Again, lançado em 2011 pelo selo Delira Blues, que lançava nessa mesma época outros artistas da cena do blues no Rio de Janeiro, tais como Blues Etílicos, Mauricio Sahadi, Ricardo Werther entre outros.

      Play it Again foi o primeiro, cuja formação tinha Helio Ratis na bateria e Luciano Mendes no baixo.

      Otávio Rocha e Beto Werther participaram tanto da produção quanto da gravação, nesta altura como produtores do selo. Na sequencia vieram a integrar todos os álbuns seguintes, oficialmente com a formação dos Blues Groovers.

      Um disco com apenas duas músicas autorais, além de regravações de autores que fazem parte da essência musical do guitarrista, serviu como sinalização para os demais, solidificando seu estilo em composições próprias.

       As influências vão de Johnny Winter, Willie Dixon até Queens of Stone Age ou Paul Weller cujos traços podem ser identificados nos discos seguintes.

     Play It Again foi gravado no estúdio 15 em Teresópolis, do baixista Luciano Mendes, na intenção de como se fosse um último ensaio, antes da gravação propriamente dita. 

O resultado foi inesperadamente satisfatório, encorajando a que aquela gravação se constituisse no disco. Foi o que aconteceu.

      Pelas mãos de Pedro Garcia, que manteve a sonoriade “crua” da gravação, toda em 8 canais, com o mínimo de overdubs, proporciona a sensação de que se está assistindo a banda ao vivo.

 

 

  Em 2013, veio o convite para a participação no Mississippi Delta Blues Festival, um dos maiores festivais de blues da América do Sul, marcado pelo lançamento do álbum Freeman Blues, fazendo com que a ocasião fosse ainda mais especial.

O show gravado ao vivo, pela produção do festival, constituiu-se num DVD lançado um ano depois.

Com mixagem de Fher Costa, o dvd traz um bom registro da noite, mostrando um repertório mesclado com músicas dos dois primeiros discos além de releituras de alguns clássicos, tocados com muita pressão.

Alguns anos depois, essa parceria se repete com o lançamento do selo Mississippi Delta Blues Records, onde Cris Crochemore & Blues Groovers são os primeiros artistas a serem  lançados.

 

gallery/capa dvd edit
gallery/spotify logo